Câmara de Braga atribui meio milhão de euros em apoios às Freguesias e a diversas entidades

O Executivo Municipal aprecia amanhã, 30 de maio, em Reunião de Câmara, a atribuição de apoios financeiros de mais de 500 mil euros. Este pacote financeiro destina-se à realização de obras em diversas Freguesias, à celebração de contratos-programa com entidades desportivas e culturais, e a diversas entidades. Da listagem de apoios destaca-se ainda a atribuição de ajudas financeiras no âmbito do BragaSol, um programa municipal que auxilia a realização de pequenas obras de reparação e requalificação de habitações degradadas.

 

No que se refere aos contratos interadministrativos de delegação de competências, a maior fatia será atribuída à União de Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro para apoio à requalificação parcial da Rua Nova, em Celeirós. À Freguesia de Priscos será atribuído um apoio de 96.772 euros para a execução do ramal de águas pluviais, repavimentação e alargamento da Rua Casa Nova.

 
 

Já a União de Freguesias de Morreira e Trandeiras vai receber 75.954 euros para a requalificação da Rua do Calvário, enquanto a União de Freguesias de Real, Dume e Semelhe irá receber 9.225 euros para a repavimentação da rua do Rio Torto e da rua das Mimosas. Para a União de Freguesias de Merelim S. Pedro e Frossos, o Executivo Municipal irá atribuir um financiamento de 6.273 euros, verba que se destina ao projeto de requalificação da Rua da Saudade. Também a Freguesia de Sobreposta terá um apoio de 5.755 euros para a obra de prolongamento do coletor de drenagem de águas pluviais e criação de valeta na Rua da Carpintaria.

No que se refere Apoios às Freguesias, o Executivo Municipal analisará as propostas de atribuição de apoio financeiro à União de Freguesias de Lomar e Arcos, no valor de 13.621 euros, para a requalificação da zona envolvente do nicho de Nossa Senhora de Fátima, na rua de Custoias, em Lomar. Este S. Pedro e S. Mamede irá receber um apoio de 28.494 para a requalificação da Rua do Pinheiro, em Este S. Pedro, enquanto Merelim S. Paio e Parada de Tibães terá um apoio de 1.635 para a requalificação de espaços verdes na Rua de S. Vicenso, em Panoias.

 
 

À União de Freguesias de Arentim e Cunha terá um apoio de 17.360 euros para a aquisição de terrenos para a ampliação do cemitério de Arentim. Já a Freguesia de Ruílhe terá um apoio de 7.250 euros para a limpeza de terreno.

Outro dos pontos da próxima Reunião de Executivo consiste nas propostas de celebração de contratos-programa com diversas entidades desportivas, nomeadamente com a Associação de Voleibol de Braga (4.000 euros), Associação de Basquetebol de Braga (4.766 euros) e com a Associação de Atletismo de Braga (27.500 euros).

 

Serão ainda analisadas as propostas de atribuição de apoios financeiros ao Agrupamento de Escolas de Maximinos à Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva e à Associação YAY – Educação para a Inclusão para a continuidade do projeto “Virar a Página” e para a cozinha solidária através da nova valência com formação e exploração da sua cafetaria.

No que se refere à Cultura, o Executivo fará aprovar a proposta de celebração de um contrato de dinamização cultural com a Orquestra de Câmara do Distrito de Braga, no valor de 15.000 euros.

 

O Executivo Municipal apreciará, igualmente, a atribuição de apoios no âmbito do BragaSol, um programa municipal que auxilia a realização de pequenas obras de reparação e requalificação de habitações degradadas. Assim, a Autarquia irá atribuir um apoio de 475 euros a seis munícipes que recorreram ao programa no sentido de fazer face aos encargos financeiros de ligação das suas residências à rede pública de água.

Comentários

comentários

Você pode gostar...