Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso apoia natalidade e economia do concelho

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso entregou o apoio monetário Naturalanhoso a mais 58 bebés. Para o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Frederico Castro, este é um incentivo simbólico para que os Povoenses tenham cada vez mais filhos e filhas.

 

A primeira entrega de 2022 decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, no dia 20 de junho, tendo um valor associado de 30.750 euros.

 
 

Os montantes atribuídos por criança têm de ser despendidos no comércio da Póvoa de Lanhoso, em produtos e serviços para o bebé. Por isso, esta medida, para além de ser de incentivo à natalidade, é também de apoio à economia local e de promoção da melhoria das condições e qualidade de vida dos agregados com crianças nos primeiros meses de vida.

“As boas medidas devem ser mantidas e esta é uma boa medida, que iremos continuar”, referiu o autarca Povoense, Frederico Castro.

 
 

Através desta resposta social, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso apoia diretamente as famílias Povoenses (independentemente da sua situação socioeconómica) e indiretamente os comerciantes instalados no concelho.

Os apoios estipulados variam entre 500 euros, para o primeiro e segundo filhos, e os 1000 euros (para o quarto filho e seguintes). O apoio financeiro para o terceiro filho é de 750 euros.

 

Estes montantes podem ser utilizados pelas famílias em bens e serviços para o recém-nascido, como vacinas, alimentação, vestuário, calçado e mobiliário, para dar apenas alguns exemplos.

Comentários

comentários

 

Você pode gostar...