Campanha da CPI “O Silêncio tem Voz: Diz não à violência contra a Pessoas Idosa”

Decorreu ontem no Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio a apresentação pública da campanha de sensibilização contra a violência sobre as pessoas idosas, promovida pela Comissão de Proteção ao Idoso, assinalando o dia Mundial da Consciencialização da Violência contra a Pessoa Idosa.

 
CPI


Esta campanha que decorre nas escolas até ao dia 17, envolve professores e alunos das escolas do norte do país, e conta com a participação de 57 agrupamentos escolares num universo de mais de 14.500 alunos, considerando que os jovens são um ativo fundamental para a transformação da sociedade no que concerne à mudança de mentalidades para a construção de uma sociedade mais
justa e inclusiva.

 
 


A sessão contou com a presença do Presidente da CPI, Carlos Branco, da Diretora do Agrupamento de Escolas, Luísa Rodrigues, da Vice-Presidente e Vereadora da Educação e Ação Social do Município da Póvoa de Lanhoso, Fátima Moreira e do Provedor do Idoso da Póvoa de Lanhoso, Álvaro Oliveira que alertaram para a necessidade do envolvimento dos mais jovens na prevenção da violência contra as pessoas idosas.


Na apresentação desta 2ª Edição, embora com o formato da edição anterior, privilegiou-se o contacto direto com os alunos que protagonizaram a apresentação da campanha “O Silêncio tem Voz” e a dramatização de um texto alusivo à problemática, de sua autoria.
Segundo o responsável da CPI, as atividades de avaliação da campanha, das escolas inscritas, designadamente o resultado dos inquéritos, registo de atividades, análise de conteúdo dos trabalhos da rubrica “retalhos de vidas maiores”, decorrerão até final do mês.

 
 


Esta campanha é uma iniciativa da Comissão de Proteção ao Idoso, patrocinada pelo Grupo Jerónimo Martins e conta com o Município da Póvoa de Lanhoso como parceiro, no âmbito do protocolo de cooperação institucional – Provedor do Idoso. Tem como objetivo criar um espaço de reflexão e debate, a partir das comunidades educativas para a sociedade em geral, em torno das questões relacionadas com a violência a idosos.

Comentários

comentários

 

Você pode gostar...