Legislativas 2022: PS apresentou políticas de juventude aos jovens do distrito

José Luís Carneiro reuniu, em Braga, com dezenas de jovens de todo o distrito, com e sem vínculo partidário, para fazer uma reflexão sobre a condição juvenil em Portugal e no distrito de Braga, um dos menos envelhecidos do País. Sob o mote “Saber ouvir! JUVENTUDE”, o cabeça de lista do PS pelo círculo eleitoral de Braga, mostrou-se atento e sempre disponível numa conversa que abordou temas como a igualdade, a habitação, a ação social e propinas, alojamento estudantil, saúde, mobilidade e alterações climáticas.

 
jose

A participação dos jovens na vida política foi também tema de conversa e José Luís Carneiro lembrou a importância dos deputados jovens no Parlamento. “Os deputados da JS na Assembleia da República têm transformado as suas causas em conquistas. Desde a Lei de Bases do Clima ao direito a desligar, desde bolsas maiores ao aumento do valor pago nos estágios IEFP, sem esquecer o reforço do Programa Porta 65 – deputados da Juventude Socialista fazem a diferença na vida da sua geração. Queremos reforçar a participação dos jovens na vida política mas para isso precisamos reforçar a educação para a cidadania e para a democracia. O nosso programa prevê esse reforço e ainda o estímulo à criação de associações de estudantes em todas as escolas e agrupamentos para que os jovens se façam ouvir e tragam as suas ideias para continuarmos o progresso de Portugal”.

 
 

Nesta conversa sobre jovens e juventude foram apresentadas as propostas do Programa Eleitoral do PS para a próxima legislatura, dando destaque para as que surgiram do Manifesto “As nossas Ideias” da Juventude Socialista como a criação do Programa Ponte que pretende dar resposta à emergência do desemprego jovem, em particular no início da vida ativa, o reforço do programa Porta 65 duplicando o número de jovens com apoio para pagar a renda assim como o lançamento “de um instrumento de emergência demográfica para apoiar os territórios que tiveram grandes ganhos ou perdas bruscas de população”.

O reforço da conciliação laboral e familiar, nomeadamente a semana de trabalho de 4 dias e a gratuitidade das creches, foram duas das propostas do PS que mais elogios receberam.

 
 

No domínio da vida económica, foram apresentadas medidas de apoio em termos fiscais à participação dos trabalhadores no capital das empresas; a redução progressiva do IRS para todos os que beneficiem de aumentos de rendimento, o alargamento do IRS jovem e reforço das deduções fiscais de apoio à família.

No final da sessão José Luís Carneiro afirmou que “contem comigo para afirmar Portugal como um país progressista, ecologista e de esquerda que não deixa ninguém para trás!”

 

Comentários

comentários

Você pode gostar...