Escola Básica de Monte Largo recebe a atividade “Oficinas do Pensamento Crítico”

Durante o mês de julho, no âmbito das Atividades de Animação e Apoio à Família da Educação Pré-escolar (AAAF) e na Componente de Apoio à Família do 1.º ciclo (CAF), a Câmara Municipal de Guimarães está a dinamizar um conjunto de atividades e vivências que pretendem contribuir para a formação integral das crianças, com o intuito de fortalecer competências essenciais para o seu desenvolvimento saudável.

 

A Escola Básica de Monte Largo (Agrupamento de Escolas Santos Simões) foi uma das escolas contempladas com “Oficinas do Pensamento Crítico”, dinamizadas pela ASSP (Associação de Solidariedade Social dos Professores). Estas oficinas consistem num espaço-tempo de investigação colaborativa, num exercício de liberdade e tranquilidade face ao desconhecido, alimentado pela curiosidade das crianças e pelo exercício do que é natural no ser humano, o pensamento.  

 
 

As crianças, dependendo da faixa etária envolvida, tiveram como estímulo uma situação problemática (uma pergunta, uma história, uma imagem, uma música…), e foram desafiadas a envolverem-se num diálogo cujas características promoviam o pensamento crítico, o pensamento criativo, a escuta, a compreensão e crítica de diferentes perspetivas, a capacidade de argumentação e de trabalho em grupo. O facilitador coordenou o diálogo fazendo questões, pedindo definições, exemplos, hipóteses, razões, critérios, solicitando sínteses, comparações, diferenças, semelhanças, garantindo a dimensão filosófica do diálogo e a compreensão das ideias e argumentos em debate. Assim, esta prática teve como pretensão desenvolver o nível intelectual, o existencial e o social, essenciais para o desenvolvimento e formação integral das crianças. 

Comentários

comentários

 
 

Você pode gostar...