Município de Esposende promove Jornadas Europeias do Património e Turismo

O Município de Esposende celebra, entre amanhã e domingo, as Jornadas Europeias do Património, associando a este evento o Dia Europeu sem Carros (22 de setembro) e o Dia Mundial do Turismo (27 de setembro).

 

Neste sentido, é proposto um vasto e diversificado programa, que integra caminhadas, visitas, concertos, oficinas e apresentação de livros, entre várias outras iniciativas.
Sob o lema “Património Sustentável”, a edição deste ano das Jornadas Europeias do Património convida a explorar medidas que possam ser utilizadas para proteger o rico e diversificado património cultural no contexto das alterações climáticas. Os cidadãos são
convidados a participar ativamente na descoberta de um Património – cultural e natural – implicando o seu envolvimento. Os principais objetos são a memória coletiva, os valores culturais e ambientais, a identidade de um Património comum, cuja riqueza reside na sua
diversidade.

 
 


O programa das Jornadas Europeias do Património, inicia amanhã, dia 22 de setembro, com a caminhada “À descoberta do nosso Património Natural”, com ponto de encontro às 17h30, no Castro de S. Lourenço, em Vila Chã.
As atividades de 23 a 25 de setembro centram-se no Património Cultural. Assim, na sexta-feira, dia 23, às 18h30, na Igreja da Misericórdia de Esposende, a comunidade é convidada a assistir ao concerto comentado “Por alto mar tempestuoso”, pelo ensemble
ANTIQUORUM, que propõe “música ibérica do século XVI para uma viagem marítima”.


No sábado, dia 24, às 9h30, realiza-se o “Roteiro V.O.U. Patrimoniar…”, uma visita orientada única, que inicia no Forte de S. João Baptista e que termina no Arquivo Municipal. Pelas 10h30, na praia de Apúlia, terá lugar a oficina musical “Aprender com o
som dos Búzios”, dedicada a famílias e orientada pelo Projeto Cardo. Nesta atividade, será explorada uma canção tradicional local, a apresentar no concerto do ensemble Cardo-Roxo, a realizar no mesmo dia, às 16h00, no Castro de S. Lourenço.

 
 


No período da tarde, as iniciativas concentram-se no Castro de S. Lourenço, com o convite à participação, a partir das 14h30, na oficina “Pão de bolota”, onde os inscritos poderão experienciar a milenar confeção do pão feito com recurso à bolota e degustar
produtos inspirados na alimentação castreja. O concerto “Vai-te Cuca”, às 16h00, pelo ensemble Cardo-Roxo, propõe um programa orientado para a música tradicional portuguesa especialmente dedicada à infância e às vivências familiar e comunitária. O programa de sábado termina com a apresentação, pelas 17h00, do e-book juvenil “Caturo e o colar de ouro”, alusivo à cultura castreja e produzido no âmbito candidatura “Do Ferro ao Ouro”, cofinanciada pelo NORTE 2020 – Programa Operacional Regional do Norte, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).


No domingo, dia 25 de setembro, às 16h00, a Biblioteca Municipal propõe a rubrica “Histórias em família”, uma sessão dedicada ao livro «O soldado romano», de Agustina Bessa Luís, dinamizada por Pontos d’Exclamação.
As atividades dos dias 26 e 27 enquadram-se no âmbito das comemorações do Dia Mundial do Turismo. Assim, o dia 26 é dedicado à sustentabilidade no destino, sendo que o programa integra, às 10h00, a apresentação do livro “Portugal e o Turismo” e, às 11h00, a apresentação do projeto Referencial Gastronómico de Esposende, ambas no Centro de Informação Turística de Esposende.

 


O Dia Mundial do Turismo, 27 de setembro, é dedicado à sustentabilidade e turismo criativo. Pelas 10h00, nos Moinhos da Abelheira, em Marinhas, decorrerá a oficina como “Moleiro por um dia”, seguindo-se, às 12h00, a degustação de “Gastronomia sustentável”. A partir das 15h00, no Centro Interpretativo do Junco, em Forjães, realiza-se a oficina “Esteireiro de Forjães”.

Comentários

comentários

 

Você pode gostar...