Esposende adere às Jornadas Europeias da Arqueologia

O Município de Esposende vai associar-se às Jornadas Europeias da Arqueologia (JEA), evento organizado pelo Instituto Nacional de Pesquisa Arqueológica Preventiva, de França, e coordenado em Portugal pela Direção-Geral do Património Cultural.

 

Assim, entre os dias os dias 17 e 19 de junho, Esposende tem encontro marcado com a sua História, convidando a comunidade a descobrir o Património local, através de um programa variado dedicado à Arqueologia, tanto terrestre, como subaquática.

 
 

No dia 17 junho, pelas 14h30, decorrerá no Centro Interpretativo de S. Lourenço, em Vila Chã, o encontro de “Arqueologia Costeira e Subaquática de Esposende”.

No sábado, dia 18, Esposende estará em Vila do Conde, representado com a apresentação “Patrimónios Emersos e Submersos – o Naufrágio Quinhentista de Belinho” que decorrerá na Alfândega Régia de Vila do Conde.

 
 

Já no domingo, 19 de junho, pelas 16h00, no Auditório Municipal de Esposende, terá lugar a sessão comentada “DOS CASTROS”, um documentário produzido pela AO NORTE e parcialmente filmado no Castro de S. Lourenço. A entrada é gratuita, mas está sujeita à reserva de bilhetes em https://esposende2000.scl.pt/bilheteira.php.

Todas a atividades são de acesso gratuito e estão sujeitas à lotação de cada espaço.

 

As Jornadas Europeias de Arqueologia visam sensibilizar os cidadãos europeus quanto à riqueza e à diversidade cultural da Europa; aumentar a visibilidade da arqueologia junto dos diferentes públicos e dos meios de comunicação; sensibilizar o público em geral e as autoridades políticas para a necessidade de proteção do património arqueológico; permitir aos diferentes públicos a apreensão do mosaico das culturas europeias; atrair novos públicos não habituados a visitar os locais onde se pratica a arqueologia; promover junto do público toda a linha de intervenção da arqueologia, “desde a escavação até ao museu”; promover a partilha de conhecimentos entre os profissionais da arqueologia e os cidadãos europeus.

A adesão do Município a este evento europeu enquadra-se nas metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 da ONU e na estratégia de valorização do património arqueológico do território concelhio.

 

Comentários

comentários

Você pode gostar...