Jovens do Bloco organizam fim de semana de debates em Braga

Entre 21 e 23 de fevereiro, terá lugar em Braga, na Escola Secundária D. Maria II, um fim-de-semana de debates e convívio organizado pela Coordenadora Nacional de Jovens do Bloco de Esquerda. 
Em conferência de imprensa, promovida pelo Grupo de Trabalho de Jovens do Bloco de Esquerda Braga, Miguel Martins afirmou que o Inconformação, que juntará mais de uma centena de jovens de todo o pais, “pretende ser um espaço amplo de debate e convívio para troca de experiências e pensar um mundo novo”.

 

“Está na génese do Bloco de Esquerda a luta por um mundo mais justo e igualitário” e, por isso, “esta iniciativa visa levar a discussão um Portugal diferente do atual, em que as pessoas são o foco e onde a homofobia, machismo e o racismo não cabem”, refere Miguel Martins.

 
 

“Com o Inconformação pretendemos discutir uma nova concepção da sociedade onde há uma economia justa e solidária, um ambiente respeitado e melhores condições de vida para todos e todas”, acrescenta.

O programa completo foi apresentado pela Ana Aradas. Na sexta-feira, haverá o debate “Proibir nunca foi solução”, com a presença da organização Kosmicare, que explicará como reduzir os riscos associados ao consumo de drogas.

 
 

No sábado haverá vários painéis sobre a América Latina, habitação e saúde mental, ambiente, feminismo, independentismo, fascismo, uberização das relações laborais e trabalho sexual.

No domingo, a deputada Beatriz Gomes Dias fala sobre as formas de luta no combate ao racismo. Logo a seguir, Francisco Louçã dinamiza o debate sobre extrema-direita. O encerramento, pelas 15h30, será feito pela Coordenadora Nacional do Bloco de Esquerda, Catarina Martins.

 

Comentários

comentários

Você pode gostar...