O imenso mundo do entretenimento online

Os avanços tecnológicos trouxeram um novo paradigma sobre os diversos aspetos da vida quotidiana. O trabalho e os estudos estão amplamente consolidados no mundo digital. Os escritórios e as salas de aulas ganharam com as novas tecnologias. 

 

Contudo, há um pilar que não poderia ficar de fora desta evolução digital, o entretenimento.

 
 

Um mundo de opções no streaming

Os computadores e smartsphones facilitaram a vida dos utilizadores que podem escolher a hora e o lugar para se divertirem online. O menu de opções somado às facilidades apresentadas mudou totalmente a forma de consumir conteúdos, seja estes filmes, música ou jogos eletrónicos.

Começando pela revolução do streaming, que alterou completamente como filmes e séries são produzidas e comercializados. A grande responsável por isso é a Netflix, a plataforma que trouxe esse novo modus operandi para a sociedade. Atualmente, a concorrência aumentou, HBO Max, Prime Video, Disney+, fizeram com que a oferta de títulos aumentasse e os utilizados podem desfrutar dos clássicos e das novidades com apenas um clique.

 
 

A imensa oferta fez com que crescesse também o número de subscritores, só em Portugal, estima-se que sejam mais de 2,7 milhões de utilizadores. A preferência ainda é pela Netflix, que conta com títulos como Stranger Things, Peaky Blinders, La Casa de Papel e Rick e Morty, além da série portuguesa Glória.

A correr por fora está o Prime Video, que oferece títulos como Fleabag, Mad Man, Downton Abbey e American Gods. Além disso, a plataforma está a preparar o lançamento de O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder, baseada nos livros de J. R. R. Tolkien.

 

Ainda no campo do streaming, porém, no setor musical, o Spotify é outra ferramenta que trouxe uma nova forma de consumir música e podcasts. Existem diversas modalidades de contratação, desde a assinatura singular, além dos planos para duas pessoas e familiar. Desta forma não é preciso esperar pela canção favorita tocar no rádio, agora, é possível ouvi-lá repetidas vezes, até cansar, se é que isso é possível.

O novo mundo Gaming

O mundo dos videojogos é uma base fundamental do entretenimento online. Se antigamente, jogar era um passatempo “quase” solitário, atualmente é comum estar conectado com outros jogadores para desafios em rede.

 

Os computadores e as consolas ganharam uma infinidade de títulos, afinal, o mercado urge por novidades, sejam jogos novos ou versões atualizadas dos clássicos. Só em Portugal, estima-se que o mercado dos videojogos tenha um valor de 250 milhões de euros. E o crescimento é notório, entre 2019 e 2020, o crescimento foi de 16,5%.

As mudanças também chegaram para as plataformas, o PC e as consolas, agora, enfrentam a concorrência dos telemóveis. Que criaram o universo do Mobile Game, que disputa utilizadores e cresce a cada ano, para ter-se noção do tamanho deste mercado, de 2010 para cá, a valorização foi de 800%. Uma das maiores editoras do setor, a Miniclip, tem em Portugal o seu principal polo criativo.

Além disso, quem ganha público também é a industria de casino online, que oferecem diversas modalidades de jogos clássicos. Um bom exemplo disso são as slots machines, que ganharam novos designs, além de temas inspirados em séries e filmes de sucesso.

Em suma, o mundo do entretenimento nunca mais será o mesmo. Por mais que alguns velhos hábitos estejam de volta, como as séries que num princípio eram disponibilizadas completas e, agora, voltaram a ganhar um episódio por semana, a forma de consumir o conteúdo foi alterada para sempre. Já não é preciso esperar num horário e num canal, pois, uma vez que o conteúdo esteja online, o utilizador poderá escolher onde e como irá assistir.

 

Os videojogos também ganharam novos contornos. A criação dos eSports, o modo competitivo e profissional, além da transmissão em directo dos grandes eventos. Outra facilidade é oferecida por meio das lojas virtuais, como a Steam, que disponibilizam jogos e complementos de forma fácil e rápida.

Não cabe dúvida, o entretenimento online é um dos benefícios que a transformação digital trouxe e foram rapidamente integrados aos hábitos de consumo dos utilizadores. Criando mercados sólidos e uma nova forma de lazer para milhões de pessoas.

Comentários

comentários

Você pode gostar...